12
Jan 09

Hoje estou muito, muito feliz.
Fazer o que mais gosto, viver no meio dos livros, que tanto amo,
é um privilégio, um luxo.
E há dias em que este trabalho é, de facto, extraordinário;
dias em que a plenitude da alma e o sorriso estampado no rosto
são sinónimo de mais uma semente plantada, prestes a germinar.

publicado por T. às 17:27

Haverá sempre Paris
pisl
Tudo o que resta
tit
Em Espera
jcm cd
Insultos & Elogios para:
deolhosbemfechados@sapo.pt
No armário
2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


DeOlhosBemFechados

Ver de perfil

4 seguidores

Procurar
 
Vale a pena abrir bem os olhos
blogs SAPO