10
Ago 11
C'est promis. Avançamos em um, dois tempos, a correspondência como modus vivendi, Setembro tão resguardado do mundo, fianças de três, quatro dias. O violoncelo fibroso, a tarde a escorrer rua abaixo, rua acima. Pedra, madeira, as pernas rijas e os joelhos dobrados, os músculos sob a minha cabeça, a mão a amparar as oito e meia da tarde.
publicado por T. às 19:56
Banda Sonora: Michael Nyman,The Promise

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.


Haverá sempre Paris
pisl
Tudo o que resta
tit
Em Espera
jcm cd
Insultos & Elogios para:
deolhosbemfechados@sapo.pt
No armário
2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


subscrever feeds
DeOlhosBemFechados

Ver de perfil

4 seguidores

Procurar
 
Vale a pena abrir bem os olhos
blogs SAPO